Primeira vacina contra dengue é aprovada no Brasil

A Dengvaxia, primeira vacina contra Dengue aprovada no Brasil, já estará disponível em clínicas e hospitais particulares e custará de R$132,76 a R$138,53, de acordo com a alíquota de cada estado. Os preços foram divulgados pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

O tratamento, desenvolvido por um laboratório nacional, inclui três doses subcutâneas, com seis meses de intervalo entre elas. No entanto, o consumidor ainda terá que pagar um custo adicional para a aplicação do produto, que varia de acordo com a clínica ou hospital, como explicou a agência.

A vacina foi aprovada no final do ano passado, mas só agora passa a valer nos estabelecimentos. Ela só é indicada para pessoas com idade entre 9 e 45 anos e é mais eficiente em pessoas que já contraíram a doença do que em pacientes que nunca tiveram dengue. Segundo especialistas, o índice de eficácia da vacina é considerado baixo, ficando com uma média de 66% de imunização, e é indicada para os quatro tipos de vírus transmitidos pelo Aedes aegypti.

O tratamento foi produzido a base de um vírus vivo atenuado. Em sua estrutura, o vírus vacinal da febre amarela também está presente, garantindo estabilidade. No mundo, os testes foram realizados com 40 mil pessoas, de 15 nacionalidades, em uma pesquisa clínica que resultou em 25 estudos divulgados.

 

Segundo o Ministério da Saúde, não há uma previsão para que a vacina seja implementada no Sistema Único de Saúde (SUS), mas serão feitos estudos de custo para a distribuição nacional, e caso seja viável, a vacina poderá ser distribuída de graça para os pacientes. No entanto, redes municipais e estaduais de saúde podem decidir pela compra das doses.

 

Vale ressaltar que o Ministério da Saúde manteve as orientações anteriores para combate e precaução da Dengue, com campanhas preventivas para cuidados com água parada em residências.

 

Conheça o Laboratório Vozza! Acesse: www.labvozza.com.br